fbpx
Orientações para compra de álcool gel
02 abr, 2020
ABCFARMA – seu canal de comunicação
06 abr, 2020

Atenção Farmacêuticos! – Ministério da Saúde cadastra farmacêuticos para o combate à Covid-19

Profissionais de Saúde, entre eles, os farmacêuticos, serão cadastrados e receberão capacitação para contribuírem no combate à pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

A pedido do Ministério da Saúde, o Conselho Federal Farmácia (CFF) forneceu o cadastro de 220 mil farmacêuticos inscritos, que, em caráter emergencial, poderão ser recrutados para trabalhar no Sistema Único de Saúde (SUS), contribuindo no enfrentamento do novo coronavírus (SARS-Cov-2). O CFF cumpriu a Lei Federal l nº 13.979, de 6 de fevereiro de 2020, sobre as medidas para enfrentamento da emergência de Saúde Pública da Covid-19. Em seu artigo 3º, inciso VII, a lei dispõe que as autoridades, dentro de suas competências, poderão requisitar bens e serviços de pessoas naturais e jurídicas.

Em virtude da situação pandêmica de infecção humana da Covid-19, o Ministério da Saúde ressaltou, em seu comunicado oficial ao CFF, “o caráter obrigatório do cadastramento dos profissionais e da participação na capacitação”. De acordo com a portaria, o Ministério identificará e reportará ao Conselho os dados do profissional que não se cadastrar e que não concluir os cursos de capacitação.

A capacitação do MS será no formato EaD e os participantes receberão certificação do órgão. Todos os farmacêuticos, devidamente registrados no Conselho de Regional de Farmácia, poderão participar da capacitação.

Como vai funcionar:

Antes de qualquer convocação, os farmacêuticos precisarão preencher o formulário eletrônico Registra RH. Durante o cadastro, o farmacêutico informará SE DESEJA FAZER PARTE DA AÇÃO ESTRATÉGICA DO MINISTÉRIO “O Brasil Conta Comigo – Profissionais da Saúde”. Após registrar os dados, receberá por e-mail um link de acesso para se cadastrar na plataforma do curso online. (cadastre-se aqui).

O ministério vai cruzar os dados dos formulários preenchidos pelos profissionais com as informações de cadastro enviadas pelo CFF, para confirmar que os profissionais realmente são farmacêuticos e estão habilitados pelo Conselho.

Acesse a portaria: clique aqui