fbpx
9 de junho, Dia Nacional da Imunização: as farmácias como aliadas dos brasileiros na agenda nacional de vacinação
07 jun, 2024
COB anuncia Medley como patrocinadora do Festival Olímpico Parque Time Brasil
12 jun, 2024

Entidades do setor de saúde manifestam seu repúdio à Medida Provisória 1.227/2024.

Em manifesto divulgado esta semana, essas entidades – entre as quais a Abcfarma – manifestam profunda preocupação com a publicação, no dia 4 de junho de 2024, da Medida Provisória 1.227/2024 que, entre outras disposições, revoga o direito da indústria da saúde ao ressarcimento dos créditos comuns da não cumulatividade do PIS e da COFINS relativos a vendas de seus produtos.

Surpreende sobretudo a declaração dos membros do governo de que são créditos presumidos entregues aos empresários. Isso não é, em absoluto, o que ocorre na indústria da saúde, em especial na farmacêutica. Para esse segmento, os créditos presumidos de PIS e COFINS apropriados sobre as vendas de produtos são integralmente repassados aos preços – o que trará impactos negativos para a população, para a economia e para a própria sustentabilidade do Sistema Único de Saúde – SUS.

Direito revogado

Para produzir medicamentos, dispositivos médicos e equipamentos, desonerados do PIS e da COFINS, a indústria da saúde incorre em custos na compra de insumos que são adquiridos com o ônus do PIS e da COFINS. Ao revogar abruptamente este direito, o governo aumenta o custo de produção, elevando preços de bens essenciais à vida. Em outras palavras: quem paga a conta é o cidadão brasileiro. Consequência: precarização da saúde, baixa produtividade dos trabalhadores, queda do PIB e da arrecadação tributária – e até mesmo a interrupção de investimentos.

Diante disso, as entidades do setor de saúde do Brasil, abaixo assinadas, manifestam seu repúdio à Medida Provisória 1.227/2024 e instam o Governo para sua retirada ou, caso isso não ocorra, que o Congresso a devolva imediatamente, revertendo seus efeitos.

Veja…… Medida Provisória 1.227/2024

 

🗣️ Canais de contato da Abcfarma:

🔗 Portal do Associado: https://bit.ly/3zpelwB

⚖️ Coordenação Jurídico: Dr. André Bedran
E-mail: juridico@abcfarma.org.br

Redes Sociais:

Instagram: https://bit.ly/3Bxep05
Facebook: https://bit.ly/3PTjVP2
LinkedIn: https://bit.ly/3OSjkM3
Youtube: http://bit.ly/3LOt77Y

 

×