fbpx
Sete orientações para se tornar um líder
18 fev, 2022
Anvisa aprova primeiro autoteste para Covid-19 no Brasil
21 fev, 2022

Canal Farma se solidariza com a população de Petrópolis

A indústria e o comércio farmacêutico também tem se mobilizado para ajudar as vítimas da tragédia de Petrópolis. Alguns exemplos dignos de nota. O CEO da Cimed, João Adibe Marques, anunciou que vai repor todo o estoque das farmácias que foram atingidas pela enchente na cidade. Ele mandou um recado a esses empreendedores. “Em meu nome e em nome dos colaboradores da Cimed, todos os nossos clientes que perderam suas mercadorias terão seus estoques repostos. Procure nossos representantes urgentemente. Você sempre esteve do nosso lado e nós não vamos deixá-lo nesse momento sozinho. E você, empresário, faça o mesmo”, afirmou o dirigente em suas redes sociais.
Já o presidente da União Química, Fernando de Castro Marques, após um pedido do governador do estado do Rio, Claudio Castro, e do Secretário da Saúde Alexandre Chieppe, enviou dia 17 para a prefeitura de Petrópolis mais de 10 mil de caixas de medicamentos. São produtos para dor, febre, infecções, doenças alérgicas, entre outros.
Do lado do varejo, a Cityfarma, rede associativista com mais de 100 lojas no estado do Rio de Janeiro, montou um posto de arrecadação na cidade para doação de alimentos não perecíveis, itens de higiene pessoal e água mineral. A loja fica na Rua Dr. Porciúncula, 82, Centro, em frente à antiga rodoviária.
Todas as 353 lojas das Drogarias Pacheco no estado serão pontos de coleta dos produtos que serão destinados à Prefeitura de Petrópolis para auxílio às vítimas do temporal.
WhatsApp
LinkedIn
Share
Instagram