fbpx
Oncologia do HCor aponta sinais que podem indicar câncer de pâncreas
20 set, 2019
Primavera convida à atividade física
23 set, 2019

21 DE SETEMBRO: DIA MUNDIAL DA CONSCIENTIZAÇÃO DO ALZHEIMER

A data criada pela Organização Mundial da Saúde tem como objetivo conscientizar toda população sobre a doença

De uma forma geral, todo o mês de setembro é considerado o Mês de Conscientização do Alzheimer, porém, mais especificamente, o dia 21 marca de fato a ação, que serve para criação de campanhas e eventos que ajudem a população a se informar sobre a doença e entender melhor suas peculiaridades.

“Acredito que o mais importante seja sensibilizar a população e reduzir o estigma que cerca a doença e afasta as pessoas da identificação dos sintomas e do enfrentamento do problema”, afirma Jullyanne Marques, gerontóloga e proprietária da Onix Gestão e Cuidado, empresa especializada no cuidado do idoso.

Segundo a Associação Internacional de Alzheimer, a doença é a principal causa de demência no mundo. A Organização Mundial da Saúde estima que, só no Brasil, ela atinge cerca de 1,2 milhão de pessoas. Trata-se de uma enfermidade incurável e progressiva e a maioria das vítimas são pessoas idosas. Seus principais sintomas são perda de funções executivas e cognitivas, causada pela morte de células cerebrais. O tratamento com especialistas alivia os sintomas existentes e retarda a evolução da doença.

“Pessoas na faixa dos 60 anos que notarem (ou seus parentes no caso) que sua memória piorou muito em um intervalo de seis meses a um ano, deve procurar um especialista que possa avaliar e diagnosticar a doença. As vezes pode nem ser o Alzheimer, mas é necessário que verifique. Quanto antes diagnosticar melhor, justamente para poder retardar a doença e também ajudar as pessoas ao seu redor a lidarem com ela”, finaliza Jullyanne.