fbpx
EMS lança primeiro anti-inflamatório nanomolecular do Brasil
11 set, 2020
FazBem: a dieta do coração
15 set, 2020

Suplementos para o cérebro são mesmo eficazes?

O que é um nootrópico? De acordo com o Merriam Webster Dictionary, um nootrópico é uma substância que melhora a cognição e a memória e facilita o aprendizado. Os dicionários de língua os chamam erroneamente de “drogas inteligentes”.

Segundo uma pesquisa ofertada pela Research and Markets, o mercado mundial de nootrópicos deve atingir 11,6 bilhões de dólares em 2024, crescendo a uma média de 19,6% ao ano.

Um estudo recém-publicado no jornal científico, Nature, revela que 25% dos universitários tomam ou tomaram algum tipo de remédio para tentar aumentar seu desempenho cognitivo.

Mas a questão é, será que realmente esse nootrópicos são mesmo eficazes?  Segundo Bruno Motti empreendedor brasileiro com empresas na Ásia, África e no Brasil, “Os nootrópicos são bastante eficazes, dependendo da sua formulação é claro, eles são suplementos naturais que estimulam a performance cerebral e que não possuem efeitos colaterais”.

Com tanta popularidade, a droga começa a atrair a atenção dos cientistas civis. Em 2003, pesquisadores da Universidade de Cambridge decidem testar o remédio em 60 voluntários saudáveis e descansados. E descobrem um efeito surpreendente. Sob efeito da droga, eles tiveram desempenho bem melhor em alguns testes cognitivos. Ou seja: tecnicamente, o remédio fez com que os voluntários ficassem mais inteligentes. Eles se sentiram muito bem e não sofreram nenhum efeito colateral.

Benefícios percebidos por pesquisas feitas nos E.U.A indicam que a curto prazo: pensamento orientado para o desempenho, como foco, memória de curto prazo, resistência ao estresse e outros que ajudam a dar uma margem mais imediata à produtividade, intensidade, competição, prazo, exames, etc.

Enquanto que no longo prazo, os nootrópicos promovem a estrutura e a função saudáveis do cérebro durante o processo de envelhecimento, incluindo suporte à memória, declínio cognitivo relacionado à idade, humor e clareza mental até os últimos anos.

Muitas pessoas confundem alguns medicamentos tarja preta com os noótropicos, como ritalina e venvanse. Como eles podem ter efeitos colaterais potencialmente graves e sintomas de abstinência, nenhum deles se encaixa na verdadeira definição de um nootrópico.

O Dr. Guirgea (Giurgea, C.E. : The nootropic concept and its prospective implications. Drug. Dev. Res. 2:441–446, 1982.), delineou várias condições específicas para algo ser chamado de nootrópico. São elas:

  • Melhora da memória.
  • Melhora do comportamento em condições adversas.
  • Proteção do cérebro de lesões por meios físicos ou químicos.
  • Melhora dos mecanismos de controle cortical / subcortical tônico.
  • Demonstrar um perfil de baixa toxicidade e efeitos colaterais.

Sucesso absoluto em países como China e EUA, a maioria dos nootrópicos encontrados no país é importada. Por isso, é comum que as pessoas desconfiem em um primeiro momento. A falta de informação também contribui. Na internet é fácil encontrar sites, blogs e fóruns que debatem a quantidade de nootrópicos que pode ser consumida e as experiências de quem os utiliza. Com a popularidade, a demanda mundial está cada vez maior e tem levado empresas a venderem pílulas com diversas substâncias nootrópicas, como o ômega 3 e a cafeína. Entre essas empresas, vale destacar a Nootrobox e Nootroo, localizadas no Vale do Silício nos EUA.

Os especialistas dessas companhias afirmam que os efeitos das substâncias variam de acordo com a quantidade consumida e do metabolismo do usuário.

Gobrain Brasil é o suplemento que chega mais perto das formulações de fora, e traz uma comunicação mais atenta a saúde mental. Vale lembrar que sua formulação atende todas as exigências da ANVISA.

Para finalizar, o empresário Bruno Motti resume com objetividade o Gobrain Brasil.“São dois potes com 60 cápsulas cada: o primeiro com ginkgo biloba e ginseng para auxiliar no sistema cognitivo; memória, aprendizagem e circulação sanguínea. O segundo, com taurina, tirosina, cafeína, guaraná e vitb12; para ajudar no vigor , na concentração, no foco e produtividade.”

Segundo o testemunho de Luciano Pace, empresário do ramo alimentício, de veículos e de energia solar, um dos primeiros clientes do GoBrain Brasil, “os efeitos aparecem no mesmo dia, eu tomo 1 comprimido de cada pote por dia, e senti minha produtividade e vigor mental aumentarem, chego em casa de noite e ainda tenho pique para trabalhar nas questões estratégicas das minhas empresas.”

Saiba mais